Cadastre seu e-mail para receber as atualizações deste blog.

incluir retirar

8 de mar de 2013

Game de Facebook alerta sobre os perigos de beber e dirigir



Muita gente que, hoje em dia, está atrás do volante pelas ruas e estradas do Brasil, especialmente os motoristas entre 20 e 30 anos, passou algumas horas na infância jogando Atari, o sistema pioneiro nos consoles domésticos. E um dos jogos mais populares era Enduro, de 1983, uma corrida de longa duração na qual o jogador precisava ultrapassar um número determinado de carros para continuar correndo. O Hospital Albert Einstein conseguiu concentrar toda essa nostalgia em uma forma criativa de alertar sobre os perigos de beber e dirigir.
O hospital, em sua página do Facebook, postou um game (desenvolvido internamente e em parceria com a agência Fri.to) que utiliza gráficos pixelados, com estilo bem nostálgico, que é muito parecido com Enduro ou outros games de corrida dos anos 80 e 90. O jogador vai dirigindo, fazendo curvas e desviando dos carros, mas, com o tempo, começa a sofrer efeitos cada vez mais intensos do consumo do álcool: a estrada fica embaçada, os carros se multiplicam, os controles se invertem (direita vira esquerda, esquerda vira direita) e o jogador acaba inevitavelmente batendo o carro. O game, então, diz que no jogo, você tem uma segunda chance não, e alerta para que os motoristas bebam de forma responsável.
“O objetivo principal do Einstein é mostrar, de forma prática, o quanto o álcool pode comprometer o desempenho e os reflexos de uma pessoa enquanto ela dirige”, explica Elis Forgerini, gerente de Mídias Digitais do hospital.  “Ao expor a pessoa a essa situação, por meio de um jogo, a situação de dirigir embriagado se torna mais real e, consequentemente, a conscientização é mais eficaz do que apenas falar sobre o assunto”.
As campanhas nacionais, nos últimos tempos, trabalham a questão com um tom mais direto e sisudo, mas para Elis, a linguagem das redes sociais precisa ser diferente para atingir o público com mais força.
“Os jovens estão nas redes sociais e aderem facilmente a essa linguagem, além de serem grandes usuários de games”, diz. “Nossa ideia foi transportar essa mensagem de suma importância para os locais em que esse público está acostumado a consumir informação e entretenimento. E, por que não se divertir e se conscientizar ao mesmo tempo?”.
Além do jogo, a aba do Facebook traz acesso fácil a informações e estatísticas acerca da violência no trânsito, como os números de mortos e até mesmo os efeitos do álcool no organismo. Outra ação realizada pelo hospital, mas dentro da mesma campanha, foi circular por bares em São Paulo, testando os reflexos e a coordenação motora de pessoas em bares. Confira um vídeo da ação:


O game está repercutindo bem entre os usuários. “A campanha teve enorme repercussão. Considerando a cobertura da imprensa, redes sociais e portais e blogs, foram impactadas mais de 7.6 milhões de pessoas”, revela. “O vídeo no You Tube teve mais de 200 mil acessos e o game dentro da aba do Facebook ultrapassou 19 mil visualizações”.

Fonte: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário