Cadastre seu e-mail para receber as atualizações deste blog.

incluir retirar

6 de out de 2009

PNL Aplicada ao Trânsito

Irene Rios

Introdução

Muito tem se falado dos motoristas imprudentes no trânsito. É constante a busca de alternativas para promover a mudança de atitudes desses cidadãos. No entanto há muitos que agem corretamente. São educados e respeitosos. Praticam a direção defensiva. Porém, apesar disso, se envolveram em acidentes de trânsito, foram atingidos por um outro veículo, ou um obstáculo se interpôs a sua frente. Foram vítimas passivas, “estavam na hora e no local errado”.

Por outro lado há inúmeras pessoas que nunca se envolveram ou se machucaram em acidentes de trânsito, que, às vezes, escapam por pouco. Isso não é obra do acaso ou do destino.
A proposta deste projeto é pesquisar as atitudes e os pensamentos dos condutores que nunca se envolveram em acidente de trânsito.

Materiais e Métodos

A pesquisa foi realizada com 31 motoristas que nunca se envolveram em acidentes de trânsito. Eles se submeteram a uma entrevista a fim de responder a questões sobre suas atitudes no trânsito e sobre sua maneira de agir e pensar no dia-a-dia. Os dados foram separados em grupos.  

Grupo A:

Respostas que indicam se o motorista tem atitudes positivas ou negativas no trânsito.  


Atitudes positivas no trânsito
  • Sempre ou quase sempre dirige na velocidade permitida.
  • Raramente ou nunca faz ultrapassagem em local não permitido.
  • Nunca dirigiu sob efeito de álcool.
  • Nunca foi multado ou foi multado apenas uma vez.
  • Nunca cochilou enquanto dirigia.
  • Sempre ou quase sempre para na faixa de pedestres.
  • Costuma fazer revisão do seu carro quando está apresentando algum ruído estranho.
  • Costuma fazer revisão do seu carro periodicamente, conforme recomendação de fábrica.  

Atitudes negativas no trânsito
  • Raramente, ou nunca dirige na velocidade permitida.
  • Sempre ou quase sempre faz ultrapassagem em local não permitido.
  • Já dirigiu sob efeito de álcool.
  • Foi multado duas ou mais vezes.
  • Já cochilou enquanto dirigia.
  • Raramente ou nunca para na faixa de pedestre.
  • Costuma fazer revisão do seu carro quando não anda mais.  
Observação: Os motoristas foram considerados com atitudes positivas ou negativas no trânsito conforme a classificação da maioria de suas respostas.

Grupo B: Respostas que indicam se o motorista tem pensamentos e atitudes positivas ou negativas em situações alheias ao trânsito:  


Atitudes e pensamentos positivos em situações alheias ao trânsito.
  • Não tem religião, mas acredita em Deus, em um poder maior, ou tem religião e segue rigorosamente suas regras.
  • Reza, tem fé, mas não costuma pedir proteção, ou reza pedindo proteção e acredita que está sendo atendido.
  • O foco predominante de suas conversas é: sugestões e críticas construtivas, ou seus desejos, seus projetos e seus planos.
  • Costuma assistir a filmes de comédias ou histórias de amor com final feliz.
  • Quando a pessoa que está esperando demora a chegar e não atende o celular, você ignora, e procura não pensar sobre o atraso ou fica tranqüilo, pois tem certeza que está tudo bem com esta pessoa.  

Atitudes e pensamentos negativos em situações alheias ao trânsito.
  • Não tem religião. O mundo é apenas matéria, ou tem religião, mas não pratica ou pratica esporadicamente.
  • Não costuma rezar ou reza apenas as orações decoradas.
  • O foco predominante de suas conversas é: problemas, dificuldades e tragédias alheias, ou seus medos, suas queixas, seus problemas e suas dificuldades.
  • Costuma assistir filmes de ação, com cenas fortes de violência.
  • Quando a pessoa que está esperando demora a chegar e não atende o celular, você fica aflito, pensando que aconteceu algum problema com esta pessoa no trânsito.  
Observação: Os condutores foram considerados com pensamentos e atitudes positivas ou negativas conforme a classificação da maioria de suas respostas.  

Resultados  

Respostas relacionadas ao Grupo A  

Motoristas com atitudes positivas no trânsito: 22 - 70,97 %

Motoristas com atitudes negativas no trânsito: 09 - 29,03%  

Total: 31 - 100 % Conforme exposto acima, 70,97% dos motoristas entrevistados que nunca se envolveram em acidentes de trânsito possui atitudes positivas no trânsito, ou seja, são educados e cuidadosos enquanto dirigem.  

Respostas relacionadas ao Grupo B  

Motoristas com atitudes e pensamentos positivos: 20 - 64,52 %  

Motoristas com atitudes e pensamentos negativos: 11 - 35,48 %  

Total: 31 - 100 % A análise acima nos aponta que os motoristas que demonstram ter atitudes e pensamentos positivos em situações alheias ao trânsito representam 64,52 %.

Motoristas com atitudes e pensamentos positivos (geral): 22 - 84,62 %  

Motoristas com atitudes e pensamentos negativos (geral): 04 - 15,38 %

Total: 26 - 100 % Ao unirmos as respostas dos grupos A e B, verificamos que o percentual de condutores com atitudes e pensamentos positivos aumentou consideravelmente, passando a representar 84,62 %.  

Observação: Nesta análise houve empate, por isso foram desconsideradas 05 entrevistas.

Conclusões Esta amostra demonstra que pensar e agir positivamente atrai segurança, ou seja, os motoristas que são educados e cuidadosos no trânsito, que têm pensamentos positivos e acreditam que estão protegidos e seguros, recebem isso.

A educação e a direção preventiva são essenciais para um trânsito seguro. No entanto para que haja garantia total de segurança é necessário algo mais, é preciso buscar proteção por meio da meditação, da fé, dos pensamentos e ações positivas.

Que este estudo sirva de inspiração para projetos maiores relacionados ao tema.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário